Arquivo da categoria ‘Artigos’

Artigonal – Persianas Vertiflex

Publicado: fevereiro 28, 2011 em Artigos

PERSIANAS VERTIFLEX

Autor: Persianas Vertiflex

Para cada problema e necessidade, há um tipo de produto. Existem modelos que dosam a claridade e mantêm a paisagem à vista. Outros impedem a entrada de luz no quarto e no home theater, garantindo um escurinho gostoso para embalar o sono ou animar as sessões de filmes. Esta reportagem vai ajudar você a se decidir, respondendo a perguntas que chegaram recentemente a nosso serviço de atendimento ao leitor.

Quais os modelos disponíveis no mercado?
As mais tradicionais são as persianas de lâminas, mas existem também as plissadas (feitas de tecido pregueado) e as romanas (que são erguidas dobrando em camadas). Os rolôs, como o nome já diz, são aquelas peças que, quando recolhidas, ficam enroladas. Quanto aos materiais, há modelos de alumínio, madeira, algodão, poliéster, PVC, fibras naturais e sintéticas.

Como combinar a persiana ou o rolô com a decoração?
A peça deve acompanhar a proposta do espaço, sem brigar com os outros itens do ambiente. Em geral, persianas e rolôs clarinhos funcionam como elementos neutros e vão bem em qualquer estilo de decoração. Madeiras no tom natural e fibras podem ser usadas para criar um clima despojado ou aquecer um espaço contemporâneo.

A persiana ou o rolô precisam ter exatamente o tamanho da janela ou podem ser maiores?
Existem as duas possibilidades. Em instalações que ultrapassam o vão, deixe uma sobra na largura de 10 cm para cada um dos lados. Na altura, a sugestão é que a peça venha do teto até 20 cm abaixo do peitoril ou deixe uma sobra de 10 cm acima e abaixo. “Se você quer que a persiana fique dentro do vão, a medida deve ser bem próxima à da janela para evitar a entrada de luz e obter um produto bem ajustado”.

Quais modelos vedam o sol, evitando o desgaste de estofados e piso?
“Todos os modelos protegem do sol quando estão fechados”, afirma o arquiteto Ricardo Miura. Dependendo do produto, no entanto, manter a persiana constantemente abaixada significa abrir mão da vista e da claridade. “Somente a tela solar, nas versões rolô e romana, controla o calor e filtra os raios UV sem impedir a entrada de luz natural nem esconder totalmente a paisagem”. Informe-se com o fabricante sobre o grau de bloqueio, que varia entre 90 e 99%.

Como fazer a instalação em janela de pé-direito duplo?
Utilize duas persianas em uma mesma abertura, uma na parte superior e outra na inferior. “Dessa forma, a peça não ficará longa e pesada demais e a luminosidade poderá ser controlada mais facilmente”, explica a arquiteta Vanessa d e B arros. Os acionamentos devem ser distintos e aconselha-se planejar a abertura por controle remoto da tela superior, de difícil alcance, especialmente se o pé-direito ultrapassar os 5 m. O rolô é o modelo mais indicado para esse caso.

Que modelo de black-aut é recomendado para quartos?
Opte pelo rolô black-out de vinil – que deve ser fechado à noite e ficar totalmente recolhido durante o dia – escondido em um cortineiro de gesso ou numa moldura de madeira. Combine o blecaute a uma cortina de tecido ou a outro modelo de persiana, de fibra, tecido ou tela solar. “Essa peça complementar tem a função de dosar a luz do dia e garantir privacidade”, diz Vanessa de Barros. S e o objetivo não é vedar totalmente a claridade, adote um semiblack-aut.

Existe um tipo ideal para porta-balcão?
Se houver espaço suficiente acima da porta para o recolhimento total, pode-se escolher qualquer modelo: rolô, persiana romana ou de lâminas. “O único inconveniente é o levantar e o abaixar constantes da persiana ao abrir e fechar a porta”, lembra Ricardo Miura. Caso a porta chegue ao teto, situação comum em varandas, é melhor optar por uma cortina de tecido, que se abre para as laterais.

A cortina romana de fibra…

Como fazer a limpeza e manutenção?
Para todos os modelos, recomenda-se tirar o pó com espanador ou pano seco uma vez por semana. A cada duas semanas, limpe com aspirador de pó (bocal escova). Em locais muito poluídos, caso o material aceite ser molhado (consulte o fabricante a respeito), é permitido passar uma esponja levemente umedecida e um sabão neutro. Atenção: nunca utilize produtos abrasivos. “Nos modelos de fibra natural, que não podem ter contato com a água, é recomendável passar o aspirador de pó no sentido horizontal”, diz Kelley White, diretor da Arquias. Fibras tingidas desbotam quando expostas a sol excessivo. Portanto, é preciso escolher bem onde instalá-las. Peças de tecido natural ou sintético pedem uma limpeza mais profunda, feita por empresa especializada, uma vez por ano. Outro cuidado importante é evitar que persianas e rolôs batam devido ao vento, pois isso pode fazê-los entortar. Sempre que for deixar os vidros abertos, mantenha a peça recolhida.

Duas versões para o mesmo ambiente…
Posso ter persiana ou rolô em um ambiente úmido?
Sim, se você escolher um material sintético, como o PVC, o poliéster e as fibras artificiais. Ou ainda as tradicionais lâminas de alumínio. O arquiteto Ricardo Miura indica o rolô de tela solar de PVC. “Além de resistente à umidade, é fácil de limpar e permite a passagem de uma luz natural difusa”, diz. No banheiro à esquerda, o profissional e sua sócia, Carla Yasuda, instalaram uma peça desse tipo em frente ao boxe para disfarçá-lo. Quando ela está abaixada, o espaço é usado pelos visitantes como lavabo.

Existe um modelo mais adequado para a casa de praia?
O visual rústico e descontraído dos rolôs de fibras agrada nesse tipo de ambiente. No entanto, é preciso dar preferência às fibras artificiais. “Elas têm a aparência próxima da das naturais e resistem à maresia, ao contato com a água e aos raios solares”, diz Nani Chinellato, fabricante de produtos de fibras. Persianas de réguas de madeira ou de bambu também trazem um ar despojado ao espaço e, em geral, já vêm tratadas contra a umidade. Pode-se ainda adotar todas as indicações dadas na resposta acima.

Que materiais fáceis de limpar são indicados para as cozinhas?
Recomendam-se persianas de a lumínio com lâminas estreitas para dificultar a fixação da sujeira. A Vertiflex dispõe de plissadas feitas de poliéster com tratamento antiestático, que inibe o acúmulo de pó e gordura no tecido. Rolôs de PVC também podem ser empregados, pois aceitam a limpeza com esponja umedecida e detergente neutro.

Quais são as opções para escurecer o home theater?
Se você faz questão de escuridão total na hora de assistir aos filmes, é indicado instalar um rolô blecaute com algum recurso para fechar as frestas laterais, como um xale de tecido encorpado ou uma moldura de madeira. Isso serve ainda para quem tem telão. Em ambientes multiúso, combine o blecaute a um rolô que dose a luz. Caso seja suficiente evitar os reflexos na tela, adote um semiblecaute. Na sala acima, o designer de interiores Francisco Cálio atingiu esse objetivo com persianas de madeira. “O ambiente fica escuro, a luz não rebate na TV e o material torna o espaço aconchegante.”

NOVIDADES DO MERCADO: VISUAL NATURAL

Reportagem Visual: CRISTINA BAVA e ELAINE CARDINALI
Texto: ALEXANDRE RAITH

http://www.artigonal.com/decoracao-artigos/persianas-vertiflex-2331202.html

Perfil do Autor

A Vertiflex é uma empresa brasileira que tem 15 anos como fabricante dePersianas e Cortinas no Brasil. Oferece uma grande variedade de materiais, como tecidos ricos em variedades de cores, acabamentos e composições, passando por materiais nobres como a madeira , ecológicos como o bambu, inovadores como a Tela Solar e alumínio. Por sua incomparável qualidade e beleza suas persianas e cortinas são sempre solicitadas por arquitetos e decoradores. A Vertiflex é reconhecida pela excelência e durabilidade de seus produtos, oferecidos em uma grande variedade de estilos e desenhos.Tem desenvolvido técnicas inovadoras na produção de Persianas Verticais, Horizontais, Romanas, Rolô , Plissadas e Celulares, empregando em sua fabricação uma grande variedade de materiais inovadores.

Anúncios